Papo Sério - Me sentia só

14:43

No Papo Sério de hoje, venho trazendo uma história diferente da que venho contando aqui no blog, desta vez será uma história de superação. O depoimento da vez, será da Carol. Ele tem 20 anos e veio contar como superou a exclusão e o bullying. Vamos ao depoimento?

"Oi, me chamo Carolina e tenho 20 anos. Estou aqui para tentar contar um pouco da minha história e deixar uma mensagem de esperança para os jovens que leem esse blog e que podem estar passando por algum momento difícil.

Não faço e nunca fiz parte do padrão de beleza imposto pela sociedade,sou magra demais e negra,tenho cabelos crespos e ressecados...sou cheia de espinha no rosto e sou super tímida e na época da escola,não fazia parte do grupo dos populares e até hoje cultivei apenas uma amizade,nunca namorei sério e muito menos tive vários namoradinhos fofinhos quando adolescente,sempre fiz parte da garotada excluída e que ninguém sente falta. 

Sofri bullying durante quase toda a minha vida escolar,tive poucos amigos,ficava sozinha no intervalo,era tímida demais para chegar para meus familiares e contar...e isso não acontecia apenas na escola,mas na rua da minha casa também. Sempre sofri muito com a exclusão,porque eu me sentia assim -EXCLUÍDA,eu não demonstrava pra ninguém,guardava tudo para mim e a única coisa que eu conseguia fazer era me lamentar por dentro,sabe? Ficar guardando todo aquele rancor comigo era uma forma deu me defender dos perigos e das pessoas que poderiam chegar até mim e me ferir. O problema maior enfrentei quando a escola acabou,porque aquilo era meio que um porto seguro para mim eu sabia que ia encontrar a minha amiga que íamos rir,que íamos passar boa parte do dia juntas,mas quando acabou minha vida ficou toda sem sentido...sofri demais,me senti mais sozinha do que antes,era como se eu vivesse em um mundo de nada,então foi que me aprofundei nessa solidão.

Tive mais alguns problemas familiares naquele ano e tive que tentar superar sozinha,até que no final de 2012 eu conheci uma pessoa que pode me ajudar muito e que foi muito importante para mim em todos os aspectos,também em 2013 criei o meu blog,pelo qual estimo muito,porque ele me faz me sentir mais especial e importante do que eu imaginava ser para alguém,não sei se estou totalmente curada das feridas que tive,mas sei que agora não me importo mais com o que os outros dizem,nem se sou parte de um grande grupo de pessoas do colégio e se eu to ou não agradando,eu só sei que a cada dia que passa eu supero mais um pouco de mim mesma.

Eu continuo sozinha,continuo sem namorado,sem um milhão de amigos no Facebook,sem um milhão de amigos no Twitter,continuo não sendo parte do padrão de beleza imposto pela sociedade,sou simplesmente um ser humano errando e acertando,crescendo e aprendendo com os problemas que surgem em nossas vidas,sou simplesmente a Carolina dona do blog Vinte Anos e filha,irmã,tia,pessoa".

Depois desse depoimento não precisa falar nada, né?! A Carol também deixou uma mensagem, para as pessoas que estão passando pelo o que ela passou.

"Viva a cada momento como se fosse único,não deixe que as coisas ruins se tornem mais valiosas do que as boas,pense que você é especial para alguém,sabe? Você está aqui nesse mundo para algum propósito,você não nasceria em vão,não deixe que as pessoas que lhe desejam o mal,Vença! De o gosto para todo mundo e diga eu Venci! Todos nós temos problemas,eu,você,sua mãe,seu pai,seu vizinho,seu primo...qualquer um o que diferencia é o modo pelo qual cada um enfrenta!
VOCÊ QUE ESTÁ LENDO ESSE TEXTO,NÃO SE SINTA TRISTE,NÃO SE SINTA NÃO AMADO,EU ESTOU AQUI PARA TE AJUDAR...ESTOU AQUI E VOCÊ É ESPECIAL PARA MIM APENAS POR ESTAR LENDO ESSA MENSAGEM!"
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você também passou ou passa por algo que te incomoda e quer desabafar, pedir conselhos. Escreve para gente pelo e-mail: mundodecarrie@gmail.com
Mas se você quer deixar um recadinho para a Carol, deixa aqui nos comentário, sua participação é muito e com certeza vai fazer toda a diferença, viu?!

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Formulário de contato